sexta-feira, 25 de julho de 2008

Motivado pela falta do que fazer

Uma demonstração muito comum, hoje em dia realizada em meio a brincadeiras ou para ilustrar conceitos de física teórica, é a pergunta: "Qual é a menor distância entre dois pontos?" em conjunto com uma folha de papel onde dois pontos são desenhados.
Em geral, a pessoa responde, como Kant em Crítica da Razão Pura, que a menor distância é uma linha reta.

Ao que se corrige, dobrando a folha de maneira de maneira a juntar os dois pontos e dizendo, que segundo Einstein, o espaço é passível de ser dobrado, virtualmente eliminando a distância entre dois pontos.

Humm... Ainda que seja assim, será que juntar os dois pontos no espaço, em uma folha de papel, seria a menor distância? Observe a trajetória dos pontos ao dobrar a folha:
O que ocorre é uma parábola... Mas neste caso alguém podia argumentar que eu não estou realmente "dobrando" o espaço. Ok, tudo bem então. Observe o próximo desenho:
Desta vez o "espaço" foi dobrado, e os dois pontos deslizaram para a proximidade; posso dizer até que se encontraram em uma outra dimensão... do papel, uma vez que, neste desenho, o papel foi dobrado de maneira à face oposta ao desenho dos pontos se encontrar. Mas poderia ser feito de outro modo também, sem problemas. O que ocorre é que, ainda assim, a trajetória dos dois pontos desenhou uma linha reta no processo.
E, o que é mais importante, neste processo de dobrar a folha, é possível argumentar que se despendeu uma energia muito maior do que desenhando uma simples reta. Se o gasto de energia for levado em consideração, a reta ainda é a melhor opção... Ou talvez a segunda melhor opção. Podemos usar a visão, movendo nossos olhos em direção ao nariz, para ver ambos os pontos juntarem-se sem que saiam do lugar.
Talvez a menor distância entre dois pontos seja, de fato, a imaginação.

2 comentários:

Rosali Colares disse...

Obrigada por postar no meu blog, e gracias pelo elogio. a maneira como foi colorido é a mais simples possivel: cafe passado. tecnicas artesanais são boas soluções. Coloquei teu blog de link na minha pagina, tem muta coisa interessante por aqui, eu gosto de psicologia tambem, é uma opção de curso que eu ainda gostaria de fazer.
Abçs!

Rosali Colares disse...

Obrigada pela visita! e gracias pelo elogio, a tecnica de colorização é bem simples e rapida: café!
colquei teu blog de link na minha pagina.
tem muitas coisa legal pra ler aqui, eu gosto de psicologia, apesar de não gosatr do modo como ela e aplica na arte, principalmente arte infaltil.
Abçs!