domingo, 26 de outubro de 2008

Filosofia da Mente de Buteco


[...]
[23:20:57] C.: e ele sofre de retardo mental profundo! :D
[23:21:11] T.: ahahahhaha
[23:21:14] C.: hehehehehhe
[23:21:21] T.: porra, profundo... não é pra tanto!
[23:21:53] C.: hehehehehehehe
[23:21:59] C.: sabes o tridente do Netuno?
[23:22:15] C.: então, o 'X.' não está na ponta da esquerda, nem no centro, nem na ponta da direita... ele tá na base do cabo!
[23:22:17] C.: hehehehehehhehehe
[23:22:30] C.: láááá embaixo... junto com as alfaces e as ervilhas.
[23:22:41] C.: mas acima de um grão de areia, por exemplo...
[23:25:42] C.: o Damásio e o Sacks querem estudar o 'X.' para descobrir como é possível, por meio apenas dos gânglios nervosos vertebrais, praticamente como uma minhoca, se passar por ser humano e fazer faculdade.
[23:25:57] T.: hahahaha
[23:26:02] T.: é uma minhoca-zumbi filosófica!
[23:26:45] T.: hehehe
[23:26:52] C.: hehehehehhe
[23:27:28] T.: o 'X.' é o único ser humano que se supõe ser capaz de realizar uma operação mental possuindo apenas dois neurônios interligados
[23:27:37] C.: heheheheheheh
[23:27:46] T.: é um feito extraordinário dentro de tal limitação física!
[23:27:51] T.: oq comprova a resiliência...
[23:27:52] T.: aahhaa
[23:28:15] C.: ele é a prova viva de que associação não depende de interneurônios
[23:28:27] C.: heheheheheeheh
[23:28:52] C.: Descartes criou o 'X.' para provar o dualismo
[23:29:17] C.: só que no caso dele a alma se conecta ao corpo pela glândula sudorípara anal
[23:29:38] T.: sério agora, isso foi nojento!
[23:29:38] T.: ahauauaha
[23:29:42] C.: hahahahahah
[23:29:51] T.: GSA, que horror!
[23:29:59] T.: hahahaa
[23:30:00] C.: hehehhehehhe
[23:30:24] C.: essa vai entrar pros anais da Filosofia da Mente
[23:30:26] C.: hehehehehehehhehe

Um comentário:

Andréia Alves Pires disse...

O tratamento da mídia ao caso Eloá foi surreal... E tens razão, não ouvi nada sobre eutanásia. Passou batido.

O escritor (sueco?) não conheço, mas achei ótimo o texto.

ps: já conhece o Solstícios?
www.solsticios.blogspot.com
bjo.